quinta-feira, junho 23, 2005

recomeçar depois dos 50

Sou recém chegada, recém-divorciada e recém reformada e, já agora, recém- retornada à minha cidade. O meu nome é marisa . Sou enfermeira e exerci durante mais de 20 anos no H. S. João no Porto, onde vivi com o meu marido. Casei, muito cedo, ainda aluna da escola de enfermagem da Cruz Vermelha. O meu marido era militar pelo que passei alguns anos entre as comissões dele, no Ultramar, e periodos de solidão, em Lisboa. Com o 25 de Abril, os anos inebriantes de liberdade, a incerteza do final da guerra colonial, os problemas económicos e a colocação do meu marido no Porto, pedi transferência no hospital e mudámo-nos, todos, para a Invicta, onde recomeçámos nova vida.
O tempo foi passando, os filhos ocupando o espaço afectivo que o meu marido nunca ocupou e quando dei por isso, estava sózinha. Os filhos tinham crescido e saído de casa e o meu marido, também, quase lá não parava. Acabei por descobrir que tinha uma outra familia e uma filha pequena. A principio fiquei revoltada, chocada mas, no fundo, não admirada. Pedi-lhe que escolhesse entre as duas familias e, ele, ficou com a filha pequena.
Entretanto, com 37 anos de serviço e 51 de idade pedi para passar à reforma. Rumei à terra onde nasci, onde estudam dois dos meus filhos e onde vivi o amor mais conturbado da minha vida (quase acabou com ela!). Não trouxe nada comigo para além do romeu- o meu cão e as 2 gatas. Aluguei o r/ch direito. Sinto-me em paz comigo mesma.Ainda me sinto bonita. Quero recomeçar uma nova vida...

4 comentários:

Brian disse...

"Sinto-me em paz comigo mesma.Ainda me sinto bonita. Quero recomeçar uma nova vida..."
Olá Mar, estas tuas palavras são mesmo o teu recomeço.
"Always Look On The Bright Side Of Life"

BlankPage disse...

"Hoje é o primeiro dia do resto da tua vida"

Não percas nunca a consciência de que todos os dias são bons para recomeçar e para mudar para outros caminhos (embora por comodismo, medo ou outras razões, as pessoas acabem por preferir seguir o trilho que sempre seguiram...é mais seguro)

BlueShell disse...

Não conhecia…gostei. Voltarei!

a cusca do prédio ao lado disse...

O recomeçar é bom. Tudo é novo. Não tenho medo de recomeços, magoa-me mais o fim. Quanto à tua situação, ao menos ficaste a saber com o que poderias contar: CONTIGO! Isso significa, que vais conseguir tudo. Prova a ti mesma que ainda existe lugar para velhos e novos sonhos. Os tais que deixaste para trás em prol de um homem que não te mereceu. Vive e luta para seres feliz, essa será sem duvida a tua maior vingança.