terça-feira, agosto 30, 2005

O Recomeço

Bem, bem... Chego de férias e noto uma total revolução aqui neste belo cantinho da blogosfera.
Vou tentar organizar o meu discurso de forma a que toda a gente compreenda a minha opinião.

Desde já, quero dizer que não acompanhei muito bem a minha confirmação como administrador do blog. Apenas admiti a minha disponibilidade para gerir a parte técnica do blog. Como estava de férias e o meu acesso à net era muito limitado, não acompanhei muito bem o desenrolar dos diálogos que aconteceram na secção de comentários. Só agora me apercebi que a convivência no blog (mais no blog que no prédio) se estava a tornar conflituosa. De qualquer forma, visto que me disponibilizei, vou fazer o meu melhor para este blog continuar (e melhorar) a sua vida.

Primeiro que tudo, quero deixar claro que, para mim, a pessoa a que eu dou mais valor neste blog é o nosso "contador de histórias", que foi quem teve a brilhante ideia de o criar. Obviamente que o fez com uma série de espectativas. Algumas foram cumpridas, outras não. Eu diria que é natural visto que o blog depende de muitas pessoas, e cada pessoa cria as suas espectativas para cada projecto. Talvez ele devesse ter explicitado quais as suas ideias para este blog. Mas o que está feito, está feito. Pessoalmente, as minhas espectativas eram as mesmas que o "contador de histórias" descreveu no seu comentário a um dos posts anteriores.
Se repararem, ao longo da minha participação neste blog, procurei que a minha personagem interagisse com os outros inquilinos. Desde o início que procurei estabelecer uma relação amorosa entre o "Mário" e a "Liliana". Também iniciei uma relação de amizade com a "Rita" e o "João". Não relacionei a minha personagem com todos os inquilinos, mas isso seria irrealista, pois um estudante universitário tem outros ambientes em que estabelece relações e, uma pessoa nunca se relaciona com toda a gente.

Fico triste por constatar que a pessoa que teve a ideia de criar este blog perdeu a vontade de nele participar. Fico mais triste por perceber que algumas pessoas que entraram no blog aquando da sua formação o estão a abandonar agora por uma razão ou por outra. Temos que compreender que há algo de errado a acontecer por aqui. Não quero nem sou capaz de atribuir culpas a ninguém.

Quanto à minha posição de actual administrador do blog, quero dizer que sou apenas administrador do blog. Não sou administrador do prédio. Este blog foi criado por pessoas de bom senso e penso que não é necessário transformar isto numa ditadura. Vamos manter a democracia, eliminando as escalas de participação que, segundo parece, vieram trazer alguns transtornos aos participantes do blog. A partir de agora, as pessoas podem postar quando bem entenderem. No entanto, quero pedir para que as pessoas usem do seu bom senso para participarem. Acho que todos compreendemos que cada pessoa tem que saber respeitar o espaço do outro. Não seria lógico eu desatar a escrever todos os dias, tirando o protagonismo aos outros participantes. Penso que devemos participar todos, respeitando sempre os outros. Não acho que seja benéfico para o blog que haja mais de um post por dia, mas penso que essa regra (se é que se pode chamar a isto regra) poderá ser quebrada nalgumas circunstâncias, de forma a que não se perca a espontaneidade da história.

Como disse, não sou administrador do prédio, no entanto gostaria de exprimir mais alguns desejos que eu tenho para este blog. Gostaria que as pessoas que estão a querer sair (incluindo o fundador do blog) repensassem as suas decisões, pois o blog ficaria muito mais rico com pessoas diferentes com diferentes ideias. Gostaria que existisse um maior intrusamento entre as histórias dos diferentes inquilinos. Procurem que as vossas personagens interajam mais com os outros moradores do prédio.
Neste momento, não me ocorre mais nada para dizer, senão realçar novamente o meu desejo para que o respeito volte a imperar nas relações entre bloggers. Quanto a conflitos no prédio, isso já é outra história...

Quero também dizer que estou disponível para que me contactem sempre que entenderem com sugestões, críticas, ou o que for. O meu mail é mario.r.x[at]gmail.com (substituam o "[at]" por "@". Dispenso "junk mail" e coisas parecidas).

O meu desejo é que este blog se desenvolva o melhor possível e penso que o mesmo pensam todos os moradores do prédio.

Beijos e abraços para todos,
MrX

6 comentários:

impressaodigital disse...

Na verdade acho que muitos de nós tinham as mesmas expectativas que o "contador de histórias" não soubemos foi geri-las... :)

O meu empenho em relação ao prédio, devo admiti-lo, não foi dos melhores! participei quando era a minah vez e em comentários, não queria diexar "morrer" as minhas personagens!!

Estou favoravél a esta ideia de "recomeço", à interecção entre os vizinhos (e que tal começarem a pedir na porta ao lado um quilo de arroz eheh) e que as pessoas repensassem as sua posições em relação a abandonarem os andares. :) incluindo o sr."contador de histórias" :)...

A ti Mrx digo que gostei deste teu post, explicas o que pretendes, o que pensas, e enquanto administrador vamso ver o que vales lol .

Anónimo disse...

Venho por este meio, dar a conhecer ao presidente de condomínio (seja lá quem for) que procuro casa para alugar. Alugar por enquanto... a verdade é que com pouco fiquei... problemas de jogo e bebida. A minha mulher mantêm-se fiel, veio de arrasto ao que a vida me deu. Peço uma resposta breve, temos apenas uma semana para abandonar a outra casa. Sem mais demoras despeço-me, Pedro Carvalho. (P.S: É favor enviar resposta para erax_02@sapo.pt ou então adicionem no msn)

Anónimo disse...

as bronkas fazem parte da vida em comum.. logo não faz sentido abandonarem o prédio apenas pelo facto de existirem conflitos

maresia disse...

Bem, realmente a tua passagem a administrador técnico da coisa foi feita assim um bocado à revelia... mea culpa - em resposta à tua disponibilidade avançámos pela calada... Mas aviso já! É uma mea culpa de que não me arrependo nada. Gosto do que dizes, e como o dizes. De uma forma clara e sem decorações excessivas! E gosto de outra coisa também, é que sei que penso de uma forma diferente da tua, facto que já percebi em situações que aqui já foram descritas, falo da vida do morador do prédio, claro. E sei que essas diferenças me vão animar e incentivar a vinda aqui. Como as diferenças e igualdades de todos os outros moradores. Venham as broncas, as que forem construtivas, claro!! Como diz uma grande velejadora amiga minha, "Gosto taaaaaanto de estar aqui!"

Por falar em arroz, alguém tem quilos de sal grosso suficientes para me lavar a alma?!

mar disse...

Eia pessoal!
Vai uma pessoa de férias, deixa o predo por 2 semanas e quando volta encontra tudo "à batatada"!... Neste momento não sei qual é o papel da porteira...parece-me que deve ter havido qualquer confusão com identidades...garanto que a mar se afastou por motivo de força maior que era não ter aceso à internet no local onde esteve de férias

mar disse...

Continuando... de mais a mais eu fui das pessoas que, embora dando cara pelas regras e aceitando-as, sempre lhes fui desfavorável exactamente pelas razões, agora apontadas...retirava a expontaneidade dos posts. Vou agor para o mail da mar para saber das novidades que lá me foram parar e, se for caso disso, voltarei a este contacto